FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Pesquisa mostra que 95% das negociações salariais de 2012 resultaram em aumentos reais

Por Auris Sousa | 20 mar 2013

Aproximadamente 95% das negociações salariais de 2012 resultaram em aumentos reais de salários para os trabalhadores, segundo pesquisa divulgada nesta quarta-feira, 20, pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos). O estudo foi realizado com 704 unidades de negociação da indústria, comércio e serviço.

A pesquisa ainda mostra que 4% das negociações conquistaram reajustes em percentual igual ao índice da inflação, e em apenas 1% o reajuste foi inferior. O aumento real médio observado nas negociações foi de 1,96%.

Setor Industrial é destaque – Em relação aos setores pesquisados, a indústria foi o que teve melhor desempenho, com aumentos reais em 97,5% das negociações praticadas no período. Além disso, foi o único segmento que não apresentou reajustes abaixo da inflação.

No comércio, aproximadamente 96% das negociações resultaram em reajustes acima da inflação, 1% obtiveram correção salarial em valor igual à inflação e 3%, em valor abaixo. No setor de serviços, cerca de 90% das categorias conquistaram aumentos reais, 8% tiveram reajustes iguais à inflação e quase 3%, abaixo.

Metalúrgicos de Osasco e região: Em 2012, o metalúrgicos da base territorial do Sindicato conquistaram 8% de aumento. Clique aqui e veja o seu reajuste salarial.

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #08