FIQUE SÓCIO!

Campanha Salarial 2013
COMPARTILHAR

Metalúrgicos de Alphaville e Osasco engrossam a luta por aumento real

Por Auris Sousa | 10 out 2013

A pressão por aumento real cresce na base do Sindicato e já atingiu cerca de 13 mil trabalhadores. Só nesta quinta-feira, 10, cerca de 3.600 metalúrgicos da região sul de Osasco, de Alphaville e Tamboré se organizaram pelo aumento real e renovação da Convenção Coletiva. A ação faz parte do mutirão de assembleias, que teve início na semana passada.

[wppa type=”slide” album=”108″][/wppa]

A ação, organizada pelo Sindicato, chegou nesta manhã até a Osram, Belgo, Jaraguá, Epson, Aisin, Centigon e JL Capacitores. Por meio dela, os companheiros souberam que as negociações da campanha salarial não estão fáceis. Como todos os anos a choradeira dos grupos patronais predominam e até o momento não contribuíram para o avanço das negociações.

Diante disto, um companheiro da Epson enfatizou que só a união é capaz de reverter o cenário. “A pressão tem que acontecer nas fábricas, com a presença do Sindicato”, defendeu.

Uma companheiro da JL capacitores também concorda. “Todos tem que lutar juntos por melhorias. Um só não adianta, todos tem que participar, se não, não adianta”, avaliou.

Confiante, um metalúrgico da Centigon deseja que as negociações avancem o mais rápido possível. “Espero que as nossas reivindicações sejam aceitas. Para isso, temos que nos unir ao Sindicato para conquistarmos o aumento real e mais melhorias. Se as negociações não avançarem, as paralisações devem acontecer”, enfatizou.

Mais Assembleias – Na próxima semana a mobilização chegará a outros municípios que pertencem a base do Sindicato.  Neste ano, além do aumento real, a categoria também luta pela valorização do piso salarial, fim das terceirizações, 40 horas semanais e pelo conjunto das cláusulas da Convenção Coletiva.

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #03