FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Entidades preparam grande ato pela inclusão em SP

Por Auris Sousa | 17 nov 2014

Para garantir o cumprimento da Lei de Cotas e os diretos dos trabalhadores com deficiência, a Superintendência Regional do Trabalho, o Espaço da Cidadania e seus parceiros pela inclusão preparam para 3 de dezembro um grande ato em São Paulo, em frente ao Teatro Municipal de São Paulo. O ato foi sugerido na quinta-feira, 13, durante o 7º Encontro Anual do Espaço da Cidadania, na sede da Superintendência, no centro de São Paulo.

O superintendente do ministério do trabalho, Luiz Antonio Medeiros, disse que o Teatro Municipal demitiu 15 cantores em setembro. Entre eles, a cantora com deficiência Margarete Loureiro, de 49 anos. “Ela cantava no coro do Teatro há 19 anos e estava há dois anos da sua aposentadoria”, explica.

[wppa type=”slide” album=”205″][/wppa]

Graças à atuação do Ministério, Margarete será readmitida em janeiro, porém, na escola de música do Teatro. “É um avanço, mas a trabalhadora é uma cantora e não uma professora. Temos que ficar vigilantes, porque ela poderá ficar na escola sem cantar”, ressaltou Medeiros.

“Vamos readmitir em janeiro, mas num outro setor? Isso não pode acontecer. O Sindicato dos Músicos comprou a briga de Margarete e em 3 de dezembro faremos um ato na escadaria do Teatro”, reforçou o coordenador do Espaço da Cidadania, Carlos Aparício Clemente, que também é vice-presidente do Sindicato.

Preparação – Na quarta-feira, 19, a partir das 14h, uma reunião será realizada na Superintendência para afinar os detalhes do ato. “Entidades interessadas nesta mobilização social estão convidadas a participar”, ressalta Clemente.  

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #03