FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Em conferência, Lula defende piso salarial nacional para metalúrgicos

Por Rede Brasil Atual | 07 nov 2012

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu na terça-feira, 6, a criação de um piso salarial nacional para os metalúrgicos. O pronunciamento foi feito durante a 1ª Conferência Nacional sobre Negociação Coletiva,que aconteceu na sede da CNM-CUT (Confederação Nacional dos Metalúrgicos) em São Bernardo do Campo.

“O sindicalismo mudou muito desde que eu comecei a luta. Hoje é necessário estudar, ler, discutir e se aprofundar mais nas temáticas. Por isso, este evento é muito importante para expor todas as vertentes desse tema. Os representantes de outras categorias, como bancários e petroleiros, podem servir de base para a categoria metalúrgica com suas experiências. Este tema é válido e muito importante para que o Brasil tenha uma sociedade mais igual e justa. O trabalhador de uma empresa daqui ganha muito mais do que um do Nordeste na mesma função, e isso não é justo”, afirmou Lula.

Ao menos, 180 dirigentes sindicais participaram de seminários e mesas temáticas durante dois dias para construir uma pauta nacional a ser discutida com as entidades empresariais e com o governo, visando acabar com as desigualdades salariais na categoria. Representantes de outras categorias como bancários, químicos, petroleiros, e construção civil  também foram convidados a discutir o assunto. [Foto: Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula]

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #01 - 2023