FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Com greve, metalúrgicos da Jaraguá mantêm cesta básica

Por Cristiane Alves | 07 jan 2014

Os metalúrgicos da Jaraguá começam 2014 com a satisfação da garantia de seus direitos com a luta. Eles conseguiram manter a cesta básica e agora vão contar com a representação no local de trabalho, por meio da comissão de fábrica, na unidade de Itapevi, e de um delegado sindical, em Osasco. A assembleia em que os companheiros selaram a vitória aconteceu na segunda-feira, 6, na unidade de Itapevi.

Os trabalhadores das três unidades da Jaraguá (Osasco, Itapevi e Sorocaba) tiveram um final de ano amargo. Alegando necessidade de corte de custos, no dia 26 de dezembro, a empresa comunicou a retirada da cesta básica dos 5 mil companheiros. Imediatamente, os companheiros denunciaram o corte ao Sindicato, que , no dia seguinte, foi para a porta da empresa organizar a luta. “Recebemos informações de que um novo presidente do grupo havia assumido e uma das medidas para recuperação da empresa seria cortar a cesta básica e que, no mesmo momento em que fazíamos a assembleia, a direção da empresa estava reunida em Sorocaba e já sabia da presença do Sindicato na porta da fábrica”, conta o líder sindical, Dedé.

Os trabalhadores de Itapevi ficaram de braços cruzados durante a assembleia para cobrar o fornecimento da cesta básica, o depósito do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) e da contribuição ao INSS – em atraso para companheiros de Osasco e de Itapevi – e a eleição do delegado sindical. Também houve paralisação nas plantas de Osasco e de Sorocaba. O Sindicato protocolou aviso de greve.

A primeira contraproposta da empresa veio em 30 de dezembro: fornecer cesta básica apenas àqueles que recebiam até R$ 1.500, o que foi descartado pelo Sindicato na mesa de negociação, já que em direito conquistado não se mexe.

Depois da pressão, a vitória veio na segunda-feira, 6, quando os companheiros cruzaram novamente os braços. Foi definido um calendário para a entrega das cestas em atraso e feita a indicação dos companheiros Milton, Jorge e Aldo para a comissão de fábrica da unidade de Itapevi e de Heraldo para delegado sindical de Osasco.

[wppa type=”slide” album=”130″][/wppa]

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #02