FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

A Precarização volta à pauta

Por Auris Sousa | 31 mar 2015

O mês de abril começa com mais uma batalha crucial para o futuro dos trabalhadores e do modo como está organizada as relações de trabalho no Brasil, com a perspectiva de que o projeto que regulamenta as terceirizações seja votado no próximo dia 7.

O projeto abre a possibilidade de terceirização de atividades fins. Ou seja, se for aprovado, o operador de máquina de uma metalúrgica da nossa base poderá ser trocado por um terceirizado, que não terá os mesmos direitos da Convenção Coletiva dos metalúrgicos, nem o mesmo salário, muito menos a representação do nosso Sindicato. E isso poderá acontecer com todas as demais categorias profissionais em todo o Brasil.

Lutamos ainda para que as contratantes arquem com as responsabilidades financeiras e trabalhistas das terceirizadas. Uma questão diretamente combatida pelos empresários e que conta com apoio de parlamentares no Congresso.

Cabe observar que o próprio retorno do assunto ao debate no Congresso já é efeito da configuração atual da Casa, onde a maioria dos eleitos para a atual legislatura trabalha pelos interesses empresariais.

Por tudo isso, vamos nos organizar, lutar para derrotar esta grande ameaça a nossas conquistas, com protestos nas ruas, no Congresso e em todos os espaços. Não a precarização. Não ao retrocesso.

Jorge Nazareno
Presidente do Sindicato dos
Metalúrgicos de Osasco e Região
[email protected]

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #08