FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Um problema de todos

Por Auris Sousa | 01 dez 2015

Apesar de ser crime e uma grave violação de direitos humanos, a violência contra às mulheres ainda persiste no Brasil. Este problema é meu, é seu, é de todos. Por isso que no sábado, 28, último encontro dos coletivos, chamei a atenção dos companheiros e companheiras para esta realidade e para a campanha dos “16 dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra à Mulher”.

A gente sempre conhece alguma mulher que sofre ou sofreu algum tipo de violência. Às vezes ela é nossa mãe, irmã, filha, sobrinha, vizinha, colega de serviço. Mas mesmo que a gente não conheça, a violência está aí e não podemos ignorar.

Em 2015, a Central de Atendimento à Mulher (180) recebeu 63.090 denúncias com relatos de violência, dos quais 58,55% foram cometidos contra mulheres negras. No entanto, este número pode ser bem maior, porque nem sempre a vítima se sente segura o suficiente para denunciar.

A denúncia é o primeiro passo para a mudança, que só será efetiva quando todos entenderem a urgência do tema. O Sindicato é um espaço de debate constante sobre este e vários outros assuntos. Homens e mulheres, juntem-se a nós na luta pelo fim da violência contra à mulher, pela igualdade de oportunidades, e por uma vida mais justa.

Gleides Sodré
Diretora do Sindicato 

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #03