FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Trabalhadores da Rayton conquistam PLR e põem fim a greve

Por Auris Sousa | 08 fev 2013

A luta trouxe avanços. Foi com essa sensação que os companheiros da Rayton, unidade Barueri e Jandira, voltaram ao trabalho nesta sexta-feira, 8,  depois de conquistar a PLR (Participação nos Lucros e Resultados) de 2012 e 2013. Os metalúrgicos ficaram em greve por quatro dias.

A briga pelo direito vinha desde o ano passado, quando a empresa se negou a dividir resultados com os metalúrgicos. Na ocasião, os trabalhadores também entraram em greve e só retornaram ao trabalho quando a empresa se comprometeu a negociar com o Sindicato. A estratégia funcionou, mas a proposta apresentada pela fábrica em janeiro deste ano foi rejeitada, os trabalhadores ficaram de greve e uma audiência foi realizada na quinta-feira, 7.

Após a audiência, os trabalhadores ficaram não só com a garantia do pagamento do ano de 2012, mas também a de 2013. “Só queríamos o que é nosso por direito. Graças ao Sindicato as coisas avançaram”, avaliou um trabalhador.

Avaliação que também foi divida por outros trabalhadores. “Houve avanços, eles [os empregadores] estavam duros. Diziam que não ia dar nada de PLR. A nossa união foi fundamental, mas sem o apoio do Sindicato a gente não tinha progredido”, enfatizou outro companheiro.

Para o diretor do Sindicato Antonio Pina o resultado foi uma grande conquista por conta da unidade e mobilização dos trabalhadores. “O mérito da organização é dos trabalhadores, porque tiveram unidade e coragem de ir à luta”, ressaltou.

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #01 - 2023