FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Igualdade e meio ambiente foram destaques na plenária de Cotia

Por Auris Sousa | 15 maio 2012

Meio ambiente, igualdade de gênero, juventude e trabalho, igualdade de raça e comunicação foram temas discutidos na plenária de Cotia, que aconteceu no sábado, 12, na própria subsedes. No encontro, metalúrgicos e movimentos sociais debateram os assuntos e fizeram propostas sobre as temáticas.

[slideshow auto=”on” thumbs=”on”]

Os debates se iniciaram com o conceito de trabalho decente, apresentado pela técnica do Dieese Eliana Elias. “Trabalho decente é um trabalho adequado remunerado, exercido em condições de liberdade, equidade e segurança capaz de garantir uma vida de qualidade”, explicou.

Após isso, Eliana fez um panorama sobre o cenário econômico brasileiro para aprofundar os assuntos igualdade de gênero e de raça e juventude e trabalho. E diante das estatísticas apresentadas Eliana enfatizou: “Estaticamente percebemos o crescimento econômico, mas eles não conseguem diminuir a desigualdade”, avalia.

Isso porque as mulheres, os negros e os jovens são os mais prejudicados no mercado de trabalho. E para que este cenário mude, todos que participaram da plenária perceberam que o Brasil precisa lutar para construção do trabalho decente. “Os empresários precisam acabar com essa desigualdade e dar oportunidade a todos”, avaliou um metalúrgico da Alvenus.

Meio ambiente em pauta – Após a palestra do vice-presidente do Comdar (Conselho Municipal de Meio Ambiente) de Cotia, Wlad Farias, a plenária mostrou preocupação com o meio ambiente e apontaram propostas para melhorar a situação. Entre elas, o tratamento e destino do esgoto, como o veto do Código Florestal. “O meio ambiente é muito importante para a nossa sobrevivência, precisamos respeitá-lo mais. O Sindicato fez muito bem em propor esse tema para a discussão”, avaliou um companheiro da H-Buster.

Para o diretor do Sindicato Carlos Mattos, o encontro foi satisfatório. “A plenária teve um bom resultado porque todos se envolveram com os temas e deram propostas. Isso mostrou a importância dos temas abordados”, ressaltou Mattos.

As propostas apresentadas na plenária serão levadas para a plenária final do VII Congresso, que acontece nos dias 15 e 16 de junho.

Leia também: 

Metalúrgicos participam de plenárias e indicam propostas

Inscrições para plenária de Taboão encerram nesta quarta

Fiscalização aponta causas de acidente na 4R Minas

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #01 - 2023