FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Encontro no Sindicato aborda luta contra amianto

Por Auris Sousa | 27 abr 2012

A luta pelo banimento do amianto foi um dos temas abordados durante a celebração do “Dia Mundial em Memória às Vítimas de Acidentes de Trabalho”, que aconteceu na quinta-feira, 26, na sede do Sindicato. No encontro, a auditora Fiscal do MTE (Ministério do Trabalho e Emprego) e membro-fundadora da ABREA – Associação Brasileira dos Expostos ao Amianto, Fernanda Giannasi, falou sobre a condenação dos ex-responsáveis pela multinacional Eternit na Itália.

A luta pelo banimento do amianto dura mais de 30 anos, e o nosso Sindicato tem papel fundamental nela. A entidade acompanhou de perto os problemas que a fibra ofereceu para os trabalhadores da Eternit, que era localizada em Osasco, como também participou e realizou debates e manifestações contra o amianto.

Com a condenação de 16 anos dos milionários da Eternit, “o dia 13 de fevereiro foi o dia de maior importância na luta contra o amianto”, vibrou Fernanda, que defende que o resultado mostra a necessidade de se banir o amianto e abre caminhos para o fim da impunidade também no Brasil.

Homenagem às vítimas do amianto

Durante o evento, Fernanda fez um apelo aos governantes. Ela pediu que uma estátua, em memória aos trabalhadores que morreram por causa do Amianto, seja construída em algum local do terreno onde por anos a Eternit esteve instalada em Osasco, onde está situado o Walmart. “Nós vamos passar. Daqui a alguns anos não estaremos mais aqui, mas a história tem que ficar, não podemos deixar que as gerações futuras desconheçam isso”, disse.

Leia mais:

Auditora é contra banalização do conceito de assédio moral

Sindicato Intensifica Luta contra Assédio Moral

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #01 - 2023