FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Atividade física e alimentação saudável podem prevenir hipertensão, diz especialista

Por Auris Sousa | 11 out 2012

Alimentação desequilibrada e sedentarismo podem colaborar com o desenvolvimento da hipertensão, principalmente nas pessoas que têm a doença em seu histórico familiar. É o que explica a especialista Mirtes Aparecida Fabricanti no programa Visão Trabalhista em Debate.

Segundo a especialista, excesso de alimentos industrializados, de sal e gordura, cigarro, álcool são os principais vilões dos hipertensos. Além disso, esses itens também podem aumentar as chances de uma pessoa contrair a doença. “A alimentação natural é a melhor coisa. O ideal é consumir dois gramas de sal por dia. Para os hipertensos o recomendável é uma alimentação saudável”, orienta a especialista.

No caso dos fumantes, “as substâncias que existem no cigarro colaboram para entupir a artéria e as chances de ter hipertensão aumentam”, explica Mirtes.

Exercícios físicos – Evitar o sedentarismo também é uma saída fugir da hipertensão, como o estresse, que também pode ser combatido com as atividades físicas. Para quem não tem condições ou tempo de fazer academia, Mirtes recomenda mudar os hábitos diários. “Procure usar as escadas – evite usar elevador e escadas rolantes – desça um ponto antes da casa para andar um pouco mais”, recomenda.

Fique atento ao seu histórico familiar – Quem tem o diagnostico na família deve ficar atento.  O recomendável é que ao menos uma vez por ano a pessoa faça a aferição da pressão e adote hábitos alimentares saudáveis, desde a primeira infância.  

Assista ao programa na integra: 

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #01 - 2023