FIQUE SÓCIO!

Press Releases
COMPARTILHAR

45% das metalúrgicas da região cumprem integralmente a Lei de Cotas

Por Auris Sousa | 24 jul 2013

TAGS

Dados preliminares da Gerência Regional do Trabalho e Emprego de Osasco mostram que 45% das metalúrgicas de Osasco e região cumprem integralmente ou mais do que exige a Lei de Cotas. O balanço foi divulgado nesta quarta-feira, 24, pelo Espaço da Cidadania, ação do Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e região, em encontro na Corneta que celebrou os 22 anos da Lei.

A Corneta, metalúrgica no segmento de Forjaria, cumpre a Lei de Cotas há mais de dez anos e tem pessoas com deficiência intelectual no controle de qualidade. De nº 8.213 (de 24 julho de 1991), a Lei obriga empresas com cem ou mais trabalhadores a reservar de 2% a 5% de suas vagas a pessoas com deficiência.

Durante o evento, também foram apresentados vários exemplos de sucesso na contratação de pessoas com deficiência. Como as das empresas Ascoval, Cinpal, Corneta, Mecano Fabril, Meritor e Osram, que nos últimos dez anos, mantiveram o nível de contratação, que atinge ou até mesmo supera o exigido por lei:

De nº 8.213 (de 24 julho de 1991), a Lei de Cotas obriga empresas com cem ou mais trabalhadores a reservar de 2% a 5% de suas vagas a pessoas com deficiência. Além do balanço de contratações, o evento contou com um breve relato de instituições que estão fortalecendo a rede de informações para a inclusão.

MAIS COMEMORAÇÕES
Na próxima terça-feira, 30, tem mais comemorações pelos 22 anos da Lei de Cotas. Nesta data, elas acontecerão em São Paulo, com a abertura às 9h30 no salão nobre da Fiesp. Já a partir das 11h, acontecerá uma extensa programação na rua das Flores, em frente à Fiesp. Ela contará com apresentações culturais e informação, incluindo demonstrações de possibilidades educacionais para as pessoas com deficiência desenvolvidas pelo SESI/SENAI.

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #03