FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Sindicato faz propostas para melhorar trânsito da Raposo

Por Auris Sousa | 16 out 2015

O Sindicato apresentou aos vereadores de Cotia algumas propostas que podem colaborar para melhorar o trânsito da Rodovia Raposo Tavares. A ação foi feita em 7 de outubro durante Audiência Pública para Discutir e o Trânsito da Rodovia Raposa Tavares, que aconteceu na Câmara Municipal.

Diretor Alex da Força representou o Sindicato na audiência pública em Cotia

Diretor Alex da Força representou o Sindicato na audiência pública em Cotia

“Entendemos ser indispensável realizar algumas intervenções na Rodovia com a finalidade de dar maior escoamento de veículos, melhorar a qualidade de vida da população do entorno e garantir a oferte de transportes públicos de boa qualidade”, destacou a entidade em Oficio durante a audiência.

Entre as propostas, estão:

Instituir uma via de rolamento exclusiva para os transportes públicos (corredor de ônibus e microônibus);

Criação de um corredor de Ônibus e mocroônibus interligando o terminal metropolitano de Cotia a Estação Vila Sônia do Metrô, em São Paulo;

Extensão da linha de metrô da Vila Sônia a região central de Vargem Grande Paulista utilizando a tecnologia aplicada a construção de monotrilhos;

Aumento do número de vias de rolamentos e um melhor acesso a Marginal e a Avenida Francisco Morato coma eliminação das passagens em níveis e dos semáforos do trecho inicial da Rodovia;

Faixas exclusivas para motocicletas e bicicletas;

Também propôs a eliminação dos gargalos de fluidez do trânsito que são:

As passagens em níveis e os semáforos existentes no trecho inicial da Rodovia;

A falta de uma alça de acesso viário do Bairro da Granja Viana II, onde está situado o populoso condomínio residencial São Paulo II, no KM 26,5, para as vias de rodagens sentido capital;

A falta de sinalização e fiscalização para veículos pesados no tocante aos retornos por toda a extensão da Rodovia;

A falta de baias para as paradas e saídas dos veículos de transportes públicos;

A falta de vias de rodagens para aceleração e desaceleração nas entradas e saídas da Rodovia;

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #03