FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Metalúrgicos traçam estratégias para defender direitos

Por Auris Sousa | 30 maio 2022

Metalúrgicos e metalúrgicas de Osasco e região se reuniram no sábado, 28, para reforçar a mobilização e traçar estratégias para proteger os direitos da categoria. Chamado de “Metalúrgicos em Debate”, o encontro aconteceu no Metalclube e reuniu trabalhadores de diversas empresas.

 

As discussões foram em torno da campanha salarial, direitos trabalhistas e conjuntura econômica e política do país. “As dificuldades são enormes. O desemprego está alto e ele não está em queda. Quando conseguimos uma melhora no emprego, não é com carteira assinada, é o uberizado”, destacou o presidente do Sindicato, Gilberto Almazan.

 

Diante das dificuldades apresentadas, o secretário-geral do Sindicato, João Batista enfatizou que, neste ano, a campanha salarial poderá ser antecipada. “Estão acontecendo muitas mudanças no mundo do trabalho, entre elas o aumento da uberização do trabalho, e do trabalho intermitente. Para barrar estes e outros prejuízos para os trabalhadores, precisamos manter a nossa convenção coletiva forte, para tanto, é fundamental a participação dos trabalhadores nesta construção”, enfatizou.

 

Durante o encontro, Roberto Anacleto, economista do Sindicato, compartilhou dados importantes sobre emprego, desemprego, inflação, fome e carestia. De modo geral, reforçou a necessidade de a categoria lutar por direitos que, inclui a valorização dos salários. “Sem tirar o mérito da PLR, mas, numa negociação, o salário é um dos pontos mais importantes, porque é ele que vai te acompanhar para o resto da sua vida profissional. Os benefícios cessam”, pontuou.

 

Por último, a vice-presidente do Sindicato, Mônica Veloso, enfatizou a importância de a classe trabalhadora reforçar a unidade, para construir um Brasil que pense em todos e todas: “Eu sei o que é estar desempregada, sei o que é passar fome. Ninguém deveria passar por isso, o Brasil precisa de um projeto de geração de empregos com direitos, de um projeto para acabar com a miséria e a fome”.

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #01 - 2023