FIQUE SÓCIO!

Notícias
COMPARTILHAR

Confira lista de planos de saúde suspensos

Por Cristiane Alves | 15 jan 2013

As denúncias de usuários de planos de saúde aos canais de reclamação da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) deu resultado. Desde segunda-feira, 14, 28 operadoras de planos de saúde estão proibidas de vender 225 produtos, até março de 2013. Elas foram reincidentes em não atender os seus beneficiários nos prazos máximos para consultas, exames e cirurgias, previstos em resolução da Agência.

No período de 19 de setembro a 18 de dezembro de 2012, a ANS recebeu 13,6 mil reclamações de beneficiários pelo não cumprimento dos prazos máximos estabelecidos. Estas reclamações resultaram na suspensão da comercialização dos 225 planos de saúde.

A ANS garante que os 1.9 milhões de pessoas atendidos por estes produtos não terão o atendimento prejudicado. Ao contrário, para que o plano possa voltar a ser comercializado, é necessário que a operadora passe a observar os prazos máximos para atendimento previstos pelo órgão.

Punição – As operadoras sofrerão multas de R$ 80.000,00 ou de R$ 100.000,00 para situações de urgência e emergência. Em casos de descumprimento reiterado, as operadoras podem sofrer medidas administrativas, como a suspensão da comercialização de parte ou da totalidade dos seus planos de saúde e a decretação do regime especial de direção técnica, inclusive com a possibilidade de afastamento dos seus dirigentes.

Planos suspensos voltam a ser comercializados

Das 38 operadoras que tiveram planos suspensos em outubro/2012, 18 melhoraram os resultados e voltarão a comercializar os produtos.

O consumidor que pretende contratar um plano de saúde poderá verificar se o registro deste produto corresponde a um plano com comercialização suspensa pela ANS. Esta informação pode ser acessada no portal da Agência em: www.ans.gov.br, Planos de Saúde e Operadoras, Contratação e troca de plano.

 

Planos de saúde com comercialização suspensa para novos beneficiários

 Atenção: Não contrate os planos de saúde listados abaixo. Se receber oferta para adquirir um desses planos, denuncie à ANS.

 

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #01 - 2023